We care about football

Partilha de conhecimento

rate galleryrate photo
1/0
counter
  • loading...

O projecto KISS (Projecto de Partilha de Conhecimentos da UEFA) foi lançado em 2005 pela UEFA como parte do seu contínuo empenho na promoção da solidariedade e a igualdade entre a família do futebol europeu, reforçando desta forma uma ligação que perdura já há mais de cinco décadas.

As 55 federações-membro da UEFA ocupam uma vasta área geográfica, incorporando diversas culturas, com diferentes métodos de trabalho e práticas profissionais. O projecto KISS reconhece o valor deste conhecimento colectivo e procura construir uma plataforma de partilha desses recursos, potenciando o nível de desempenho profissional baseado neste conhecimento em rede.

O projecto KISS começou por organizar uma série de seminários levados a cabo na UEFA. O objectivo passava por trabalhar com as federações-membro de forma a encorajar e desenvolver as boas práticas para uma gestão eficiente do futebol no continente europeu. Estes seminários cobriram três áreas: operações, gestão e desenvolvimento. Para além disso, foi estabelecida uma rede de especialistas em cada uma dessas áreas, recrutados sobretudo dentro das federações em que os padrões tinham sido fixados num alto nível de qualidade num campo particular.

Estes seminários não tardaram a evoluir, resultando em "workshops" mais aprofundados e específicos, organizados pelas federações-membro, nos quais os respectivos especialistas partilhavam as suas experiências, conhecimentos e debatiam soluções práticas para uma variedade de cenários. Estes "workshops" examinaram, por exemplo, a responsabilidade social do futebol, os direitos de transmissão, relações com os media, marketing, gestão corporativa, leias, organização de eventos e segurança nos estádios, para mencionar apenas alguns temas. O 100º "workshop" KISS realizou-se no Liechtenstein, na Primavera de 2012.

Para além disso, foram igualmente implementadas novas e inovadoras formas de partilha de conhecimentos, como questionários, relato de histórias, representação de papéis e simulações, as quais mostraram ser mais efectivas do que os tradicionais métodos de aprendizagem em sala de aula. Para ampliar ainda mais esta rede, as sessões dos "workshops" foram filmadas, com muito do conteúdo a ser disponibilizado através de uma plataforma on-line. Os membros, recorrendo a acesso personalizado a esta plataforma, podem comunicar e partilhar ideias, experiências e documentação.

A chave destes "workshops" é a adaptabilidade do conhecimento. Recorrendo a estudos de caso detalhados e à interacção entre especialistas e indivíduos interessados nas questões, as federações podem utilizar estas boas práticas para solucionarem os seus próprios problemas ou para alterarem a sua cultura de trabalho. Como resultado, essa federação fica capacitada para trabalhar de forma mais autónoma.

Em Fevereiro de 2012, o projecto KISS lançou uma nova e melhorada plataforma para as federações-membro. Esta plataforma contém boas práticas do futebol em diversas áreas, uma viagem por um estádio virtual para explicar as operações de bastidores e ainda vídeos pormenorizados sobre diferentes papéis e com várias recomendações. O objectivo desta plataforma passa por chegar a uma audiência mais ampla, transmitindo em cascata através do futebol os conhecimentos e as boas práticas de forma a chegar junto de clubes, patrocinadores, jogadores e todas as camadas de pessoas que trabalham de perto com o futebol no seu dia-a-dia.

O projecto KISS oferece ainda às federações-membro da UEFA um programa de assistência individual. Por vezes, uma questão particular necessita de acompanhamento específico e, nessas circunstâncias, uma federação pode recorrer ao auxílio do projecto KISS. Especialistas apropriados entrarão em acção para oferecerem os seus conhecimentos e ajudarem essa federação a encontrar e implementar a melhor solução.

Documentos