We care about football

Requisitos Médicos Mínimos para jogos e torneios da UEFA

Requisitos Médicos Mínimos para jogos e torneios da UEFA
Os Requisitos Médicos Mínimos protegem os jogadores em jogos da UEFA ©Getty Images

Calendário

Nas suas tentativas contínuas para proteger a saúde de todos aqueles envolvidos em jogos da UEFA, o Comité Médico da UEFA definiu os requisitos médicos mínimos (MMR) para jogadores, equipa técnica, equipas de arbitragem e delegados presentes em jogos e torneios, que entraram em vigor a partir do início da época 2012/13. Estes requisitos fazem parte dos Regulamentos Médicos da UEFA e foram criados para fornecer um padrão mínimo de equipamento e serviços médicos para lidar com acidentes em jogos que possam ameaçar vidas ou causar lesões permanentes.

A federação ou clube anfitriã(o) tem que fornecer um nível mínimo de serviço médico em quatro áreas-chave:

• Equipamento médico junto ao relvado (ex.: desfibrilhador, colar cervical, equipamento de reanimação)

• Ambulância (que deve ser uma Ambulância de Suporte de Vida Avançado)

• Equipa médica (incluindo um médico dedicado exclusivamente ao que se passa no relvado e uma equipa de maqueiros)

• Equipamento médico de emergência em sala (equipada com medicamentos de emergência e materiais)

Para além disso, o anfitrião deve submeter o seu plano médico no estádio à(s) equipa(s) visitante(s) antes do jogo ou do torneio, mencionando tópicos como caminhos de evacuação de emergência, os detalhes de contacto dos elementos da equipa médica anfitriã e de hospitais locais.

Os requisitos MMR existem para garantir um serviço mínimo padronizado em todas as competições da UEFA, e assegurar que as equipas visitantes e a respectiva equipa médica possam ter a certeza de que terão acesso a um determinado padrão, independentemente do país onde os jogos são disputados. O equipamento é inspeccionado pelo delegado ao jogo da UEFA no dia antes do encontro, durante o treino oficial (quando aplicável na competição) e novamente no dia do próprio desafio. Clubes e federações que não cumpram os requisitos MMR serão indiciados junto do Comité de Controlo e Disciplina da UEFA por incumprimento.

Os MMR são revistos pelo Comité Médico da UEFA todos os anos, para garantir que as necessidades médicas de jogadores e restantes intervenientes possam ser cumpridos com o mínimo de encargos possíveis para clubes e federações ao nível do equipamento e serviços fornecidos. A flexibilidade também faz parte dos requisitos sempre que possível, para possibilitar variações locais, tal como marcas diferentes de medicamentos de emergência que possam existir em países distintos.

Para além dos MMR, a UEFA também exige aos anfitriões de fases finais dos seus torneios o fornecimento de um serviço médico total durante toda a prova, que inclui a produção de um guia alargado de serviços médicos, com informação adicional sobre hospitais, clínicas de imagiologia e serviços dentais, procedimentos para a obtenção de receitas e requisitos de imunização para o país anfitrião.

A UEFA publica guias para a provisão de MMR em sete línguas, todas disponíveis para descarga em UEFA.org.