Deixar um legado em Cardiff

Foi inaugurado em Cardiff um novo campo na véspera da final da UEFA Champions League 2017.

O campo comunitário foi aberto em Cardiff
O campo comunitário foi aberto em Cardiff ©UEFA.com

O legado da final de 2017 da UEFA Champions League ficou garantido com a doação de um novo campo relvado à cidade de Cardiff.

©UEFA.com

Presentes na cerimónia de inauguração do relvado estiveram Jonathan Ford, director-executivo da Federação Galesa de Futebol, Aleksander Čeferin, presidente da UEFA, Theodore Theodoridis, secretário-geral da UEFA, Ian Rush, embaixador da final da UEFA Champions League, e Patrizia Panico, antiga futebolista internacional italiana.

Espera-se que o campo relvado agora inaugurado inspire as raparigas e os rapazes de Cardiff a jogarem futebol, de forma a desenvolver assim as "raízes" do futebol no País de Gales e, ao mesmo tempo, unir a comunidade.

Com o acolher de uma grande final europeia de clubes a surgir menos de um ano depois do fantástico desempenho da selecção nacional do País de Gales no UEFA EURO 2016, em França, e com o futebol amador e de formação a prosperar, a modalidade exala saúde no país. Segundo Jonathan Ford, tal resulta de um conjunto de factores: "Propusemo-nos a cumprir um plano estratégico com objectivos claros para o futebol do País de Gales. Esses objectivos iam bem para além do simples assinalar do centenário da nossa federação nacional de futebol e visavam levar a que mais pessoas jogassem futebol e que o jogassem a um mais alto nível."

"Estamos a garantir um legado com a inauguração deste campo relvado em Grange Gardens, o qual trará fantásticos benefícios a esta comunidade e a toda a cidade de Cardiff."