Congresso de adeptos em Itália

Adeptos de futebol de toda a Europa juntaram-se para a sétima edição do Congresso de Adeptos do Futebol Europeu, organizado pela Associação dos Adeptos Europeus (FSE).

The FSE Fans Congress took place in Italy
The FSE Fans Congress took place in Italy ©FSE

Amantes de futebol de 35 países juntaram-se para discutir a actual situação dos adeptos na Europa, durante o Congresso de Adeptos do Futebol Europeu, em Bosco Albergati, perto de Bolonha, Itália.

O evento foi organizado pela Associação dos Adeptos Europeus (FSE), rede democrática indepentende de adeptos de futebol de todo o continente, que representa actualmente mais de três milhões de amantes do futebol em 45 países. A FSE foi lançada com o apoio da UEFA em 2009 e o organismo reconhece a FSE como a interlocutora oficial relativa a questões referentes aos adeptos, considerando-a como uma das suas mais importantes parceiras.

O Congresso de Adeptos do Futebol Europeu é visto como uma plataforma para a melhoria e o desenvolvimento da troca de experiências entre adeptos de toda a Europa. Pela primeira vez, o evento teve lugar em Itália e foi organizado em colaboração com o Mondiali Antirazzisti, o maior festival anti-racismo de futebol do mundo. Dois parceiros de responsabilidade da UEFA, a FSE e a rede FARE, que trabalha com vista a erradicar do futebol o racismo e a discriminação, juntaram-se neste Congresso em Itália, a pensar já na conferência de respeito e diversidade que se aproxima.

Os presentes tiveram oportunidade de participar em debates, painéis de discussão e 'workshops' sobre, entre outras coisas, estratégias conjuntas contra a discriminação e iniciativas de cooperação internacional. "É crucial que toda a família do futebol europeu escute as exigências dos adeptos e os problemas que estes enfrentam, potenciando e promovendo o diálogo entre as partes", destacou Daniela Wurbs, coordenadora da FSE.

"É um enorme prazer para nós receber este ano o Congresso de Adeptos do Futebol Europeu no Mondiali Antirazzisti", acrescentou Daniela Conti, da Unione Italiana Sport Per tutti (UISP), uma das principais promotoras do Mondiali Antirazzisti. "Consideramos que os visitantes de ambos os eventos tiveram oportunidade de aprender muito uns com os outros, partilhando experiências e exemplos de boas práticas."

A data e o local do congresso do próximo ano foram já anunciados em Bosco Albergati. Decorrerá na primeira semana de Julho de 2015, em Belfast, na Irlanda do Norte. As anteriores edições tiveram lugar em Londres (2008), Hamburgo (2009), Barcelona (2010), Brondby e Copenhaga (2011), Istambul (2012) e Amesterdão (2013).

A UEFA tem desenvolvido diálogos com a FSE sobre diversos assuntos e tem igualmente conferido o seu apoio a iniciativas e projectos particulares que contam com o envolvimento dos adeptos. Aqui incluem-se reuniões anuais entre a FSE e altos representantes do órgão máximo do futebol europeu.